PHP 5.6.0 released

Usando códigos antigos com a nova versão do PHP

Agora que o PHP cresceu e é uma linguagem de script popular, há recursos públicos que contém código que você pode reusar em seus próprios scripts. Os desenvolvedores do PHP tentaram largamente manter a compatibilidade, para que um script escrito em uma versão mais antiga do PHP (deva) rodar sem nenhuma alteração em uma versão mais nova do PHP. Na prática algumas alterações serão geralmente necessárias.

Duas das coisas mais importantes recentemente alteradas que afetam um código antigo é:

  • O velho método que não está mais em uso, que é o de usar arrays $HTTP_*_VARS (que precisam ser indicados como sendo globais quando usados dentro de uma função ou método). A seguir nós abordaremos os arrays auto-globais no PHP » 4.1.0. Eles são: $_GET, $_POST, $_COOKIE, $_SERVER, $_ENV, $_REQUEST, e $_SESSION. Os antigos arrays $HTTP_*_VARS, como os $HTTP_POST_VARS, ainda existem até a versão do PHP 3.
  • Variáveis externas não são mais registradas no escopo global por padrão. Em outras palavras, com o PHP » 4.2.0 a diretiva register_globals está desligada por padrão no arquivo php.ini. O método utilizado atualmente é o de acessar estes valores via arrays auto-globais como mencionado acima. Scripts antigos, livros, e tutoriais podem estar utilizando a diretiva ligada. Se ela estiver ligada, por exemplo, você poderá utilizar a variável $id da URL http://www.exemplo.com/pagina.php?id=42. Se a diretiva estiver desligada, você usará $_GET['id'].
Para mais detalhes destas alterações, veja a seção variáveis pré-definidas.

add a note add a note

User Contributed Notes

There are no user contributed notes for this page.
To Top